Poiésis

domingo, abril 11, 2010

05:45 pm

É a boca da noite
entrando pela minha varanda.
Jogada em minha rede,
vem a saudade e a vontade
de (gritar! gritar!) ficar quietinha
esperando você chegar


2 comentários:

sebastian disse...

nunca vi tanto poesia em tao poucas palavras. vocce faz poesia para mexer na alma de quem ler. o coraçao ah esse já está todo derretido. bejao minha grande amiga

Iraci disse...

ki comentário legal, né Si??? Deve estar toda cheia de Si...rsrsrsr Muito bom quando temos nosso trabalho reconhecido. E melhor ainda quando nem conhecemos quem postou. Sinal de que a coisa é boa mesmo!!! Parabénsssssss!!!